Artigos

A Familia Muçulmana

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Influenciada pela campanha anti-islâmica orquestrada pelos agentes do imperialismo atuante inclusive no Brasil, resultou em uma impressão da mulher muçulmana que era carregada de submissão irracional, escravidão e enclausuramento forçado.

Impressão está que tem boa parte de suas ocas fundações ou nas fantasias hollywoodianas carregadas de erotismo, luxuria e mercantilização da mulher como por exemplo a visão dos haréns recheados de beldades irracionais e subumanas fornecida pela grande farsa da leitura oriental chamada de As Mil e Uma Noites.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

No meio das trevas que envolviam o mundo, a revelação divina ecoou no vasto deserto da Arábia com uma nova, nobre e universal mensagem para a humanidade:

“Ó humanos, temei a vosso Senhor que vos criou de um só ser, do qual criou sua companheira e, de ambos, fez descender inumeráveis homens e mulheres.” (4ª. Surata, versículo 1).


Ponderando sobre esse versículo, podemos dizer que não há um texto, antigo ou novo, que trate da afabilidade da mulher, em todos os aspectos, com tão espantosa brevidade, eloqüência, profundeza e originalidade como esse decreto divino.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Há 5 anos atrás, li no Toronto Star, edição de 3.7.90, um artigo intitulado "O Islam não está sozinho nas doutrinas patriarcais", de Gwyne Dyer. O artigo descrevia as reações furiosas das participantes de uma conferência sobre mulheres e poder, realizada em Montreal, aos comentários da famosa feminista egípcia, Dra. Nawal Saadawi.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

É um absurdo pensar que o hijab, que faz parte da fé Islâmica, "simboliza a desigualdade sexual e o aprisionamento das mulheres". Os que têm como fonte de conhecimento os meios de comunicação ocidentais têm esta imagem.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
A mulher não esteve em nenhuma época da história antiga na posição que lhe era devida. As nações diferiram no grau de negligência e de violação aos seus direitos. O último exemplo de tal atitude foi o da Nação árabe antes do Islam. Pois meninas eram enterradas vivas por temer-se a desonra e para evitar-se seu sustento e isto é um ato excessivamente cruel.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Hoje em dia, as pessoas acham que as mulheres ocidentais são livres e que o movimento de libertação da mulher começou no século XX. Na verdade, este movimento não foi iniciado pelas mulheres, e sim foi revelado por Deus, no século VII, a um homem de nome Muhammad (que a Paz e a Bênção de Deus estejam sobre ele), que é conhecido como o último Profeta do Islam. O Alcorão e as sunnas são fontes de onde as mulheres muçulmanas tiram seus direitos e deveres.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Quando nos casamos, não estamos só levando uma esposa, mas um mundo inteiro. De agora em diante, até o final de nossos dias, a esposa será nossa parceira, companheira e melhor amiga. Ela partilhará nossos momentos, nossos dias, nssos anos, nossas alegrias e tristezas,  sucessos e fracassos,  sonhos e receios.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Deus concedeu-nos o Islam, uma religião perfeita e completa que acompanha sempre o desenvolvimento do ser humano. Na primeira publicação de “Abwabul-Bir (Capítulos das virtudes)” referimos os direitos dos pais e as responsabilidades dos filhos para com os seus pais. Agora, falaremos dos direitos dos filhos e das responsabilidades dos pais para com os seus filhos, que, na realidade são o futuro do Islam.

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

A união entre pais e filhos é uma união familiar e consangüínea e os pais são os parentes mais próximos aos filhos, isso faz com que os filhos sejam os mais amáveis para o ser humano.

Os pais demonstram isso para os filhos, com o sacrifício, benevolência e o esforço para criá-los; e os filhos retribuem, com a obediência e a educação trazendo resultados positivos para os pais, com isso os filhos adquirem certas qualidades corretas,

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa

Vivendo no Oriente Médio ou na África, na Ásia Central ou no Paquistão, no Sudeste Asiático ou na Europa e nas Américas, as mulheres muçulmanas tendem a ver o movimento feminista com alguma apreensão.

Embora haja alguns aspectos da causa feminista, os quais nós muçulmanas gostaríamos de juntar esforços, outros provocam desapontamento e mesmo oposição. Consequentemente, não há uma resposta simples para a possibilidade de uma futura cooperação ou competição que o feminismo possa vir a encontrar em um ambiente islâmico.